Sexo

A relação sexual nada mais é que a obtenção de prazer com ou sem penetração certo?

Então não pode ser tabu para falarmos sobre, ainda mais sob a forma como o sexo é tratado hoje em dia.

Você pode ter por amor, casual, sem compromisso, através de uma compra, com uma pessoa, com duas, com várias, não importa o que se faz, contanto que seja saudável e não fira ninguém moralmente e nem fisicamente sem a permissão mútua.

Há muito tempo pessoas tentam evitar falar sobre sexo com seus parceiros, sendo mais fácil falar com amigos(as), colegas de trabalho, e/ou dar aquela escapadinha (que é uma das consequências mais graves das relações amorosas, pois alguém sempre sairá ferido).

Recebo muitas reclamações no meu consultório sobre “problemas no relacionamento” e muitos deles estão relacionados ao sexo, por falta de, por não ser mais como era antes, ou por ser intenso.

Todas as formas a Psicoterapia tanto individual ou de casal, pode ajudá-los. Basta permitir falar sobre a relação.

Além disso é preciso aceitar a forma como nos vemos mentalmente e como lidamos com esse assunto. De uma forma simples. Mas isso muitas vezes é aprendido com dor e a ajuda de um profissional pode reduzir e muito esse impacto.

Você pode gostar de sexo de uma maneira e seu parceiro de outra, e desculpe a pergunta, mas qual foi a última vez que vocês falaram sobre isso?

Quando que falar sobre melhorar a vida sexual foi importante? Bingo! Aí que começam os problemas! E em muitos casos em separação por falta de diálogo.

Acredite, falar sobre sexo é saudável e pode melhorar a relação de qualquer casal, independente da orientação sexual.

Discuta, fale, pergunte, tire dúvidas, sempre há algo que possa melhorar.

E se precisar de ajuda, estarei à disposição para ajudar e atendê-los em meu consultório ou pela Internet.

Brasileiros que vivem no exterior também podem contar com meu apoio. 🙂

Célio Mota

Psicólogo | Coach | Thetahealer